beijos em silêncio...


Às vezes em silêncio,
A emoção fala,
Um brilho de reflexo maravilhoso de sonho e de calma,
No meio de alegria,
Iluminando a vida, aii
Tua presença mágica e suave numa noite linda...
Teu corpo em meu corpo,
Todo em relaçado,
Com beijo na boca,
Abraço apertado,
Os nossos deseejos se mesturam,
Numa corrente de energia, porém
Eu tiro a tua roupa
Te vejo sorrir
A gente de tudo que o corpo pedir
E beija-me e beija-me
Me vira pelo avesso, vem
Devora-me, e beija-me
Abraça-me
Te amo e teu corpo me mata de prazer
Descança no meu peito,
Inté a madrugada
Abre o teu coração
Se solta se libera
Não me esconda nada
Perdi as minhas noites sem gozo na alma
São fruto do abandono pela solidão
Você quem ilumina e provoca sonhos
No meu coração
Eu tiro a tua roupa te vejo sorrir
A gente faz de tudo o que o corpo pedir
E beija-me e beija-me
Me vira pelo avesso, vem
Devora-me e beija-me
Serás toda para mim
Eu pertenço a ti
Abraça-me e beija-me
Te amo e teu corpo me mata de prazer
E beija-me, abraça-me
Serás toda para mim
Eu pertenço a ti
Abraça-me e beija-me
Te amo e teu corpo me mata de prazer
By: Marco
Porque eu adoro esta música

4 comentários:

Ą Mαscotezinhα disse...
4 de junho de 2009 às 15:16

A letra é bonita!!

Beijinho*

laida disse...
4 de junho de 2009 às 19:21

Linda a letra!!!
A musica não conheço...
Beijibhos (em silencio)

AB disse...
7 de junho de 2009 às 20:34

È linda a letra~!
Deixo-te um beijinho grande.